Holambra: Roteiro completo para um fim de semana. Onde comer, onde ficar e o que fazer!

Atualizado: 9 de Dez de 2020

A cidade de Holambra é situada no interior do estado de São Paulo, ela foi fundada no final da década de 40 por imigrantes holandeses. Os imigrantes fugiam da devastação da Segunda Guerra Mundial, e o Brasil era o único país que permitia a imigração de grupos.


Foi apenas com a chegada de famílias produtoras de flores, a partir de 1951, que a cidade tomou conhecimento e tornou-se um grande ponto turístico do nosso país, com a criação do evento Expoflora (que acontece todos os anos desde então) a cidade se projetou a nível nacional.


Consolidada como a Capital Nacional da Flores, Holambra fornece 45% de todas as flores e plantas ornamentais comercializadas no Brasil!


O que você vai encontrar na cidade de Holambra? Construções típicas, gastronomia holandesa, muitas flores e deliciosas praças e parques!


Veja também: Trilha da Praia Brava, São Sebastião, São Paulo: Como chegar nessa praia deserta?


Como chegar?


Viajando de carro, saindo da cidade de São Paulo, siga pela Rodovia dos Bandeirantes ou a BR – 050 (ambas possuem pedágio). Em cerca de 2 horas já estará em Holambra!


Para aqueles que não possuem carro, não há ônibus direto ligando a capital a Holambra. É preciso pegar um ônibus para Mogi Mirim ou Mogi Guaçu (Viação Santa Cruz ou Viação Cometa) e descer no meio do caminho, no cruzamento que liga Holambra a Santo Antônio de Posse. Dali é preciso pegar um táxi agendado ou uber. Outra opção seria pegar um ônibus até Campinas.


O que fazer?


A cidade é bem pequena, não se preocupe com a distância dos pontos, vocês consegue se locomover de carro em 10 minutos para qualquer lugar, de bicicleta nas ruas planas ou até mesmo se aventurar a andar passeando.


Dia 1


Passeio pelo Parque Expoflora:

Famoso local onde acontece o famoso evento Expoflora, possui lagos, lindas plantas, restaurantes e artesanato e as construções típicas holandesas.


Moinho Povos Unidos:

Aberto para visitação, pode subir curtir o visual e tirar algumas fotos! O moinho foi inaugurado no ano de 2008, sendo uma cópia fiel dos famosos e tradicionais moinhos holandeses.



  • Horário de Funcionamento: Sábados, domingos e feriados das 9:30 às 18 horas.

  • Valor: R$ 10,00. Para menores de 10 anos a entrada é gratuita.



Almoço no Restaurante Old Dutch

O restaurante que não podíamos deixar de conhecer visitando Holambra, é o The Old Dutch. Criado no ano de 1989, pelo holandês Robert Jager, que veio para o Brasil mostrar um pouco da cultura e gastronomia holandesa que vinha perdendo espaço devido ao início da globalização.


Como o próprio restaurante diz, eles possuem um cardápio limitado para que possam entregar a melhor qualidade possível e sem dúvida, isso não falta! Nossa visita no restaurante foi incrível, atendimento super bom, cerveja gelada e comida deliciosa! O restaurante tem uma “cara” mais tradicional, com mesas e cadeiras mais rústicas, rodeado de garrafas e rótulos de cerveja por toda parte, o ambiente realmente se torna mais clássico.


Ao visitar restaurantes clássicos e com comidas típicas é super importante perguntar quantas pessoas o prato serve, pois muitas vezes um prato individual serve de 2 a 3 pessoas. Pedimos para começar alguns bolinhos clássicos holandeses de carne de cordeiro, sugerimos que peçam em 3 a 4 pessoas, pois a porção é muito bem servida. De prato principal, pedimos um Gebraden Eend (prato típico que serve entre 3 e 4 pessoas – pato assado desossado em molho com maçã, cebola, cerveja e temperos típicos. Acompanhado com purê de batata típico, purê de maçã e arroz típico), além de dois chopps Straat.


Particularmente gostamos amamos esse almoço, realmente nos sentimos mais na Holanda. Mas como nem tudo são flores, vamos falar também dos valores, gastamos por pessoa aproximadamente R$ 85,00 reais, porém sem dúvida erramos na quantidade da refeição, pois facilmente teríamos almoçado em 4 pessoas.


• Endereço: Estrada do Fundao, 200, Holambra, Estado de São Paulo

• Telefone: 55 19 99210-0130

• Valor médio gasto: R$ 85,00 (entrada de croquetes típicos, prato típico, chopp, água + 10%)



Comprar um Stroopwafel no Zoet em Zout:

O Stroopwafel é uma bolacha típica holandesa, deliciosa! Ele é formado por duas partes finas de um biscoito bem parecido com wafel com uma fina camada de caramelo no meio. O local perfeito para experimentar esse doce é na Confeitaria Zoet em Zout, um espaço delicioso em frente a um lago.



Jantar no Bar da Prainha

O Bar da Prainha fica localizado em um dos melhores pontos da cidade e é conhecido por suas porções que vão de frutos do mar até carnes e torresmos. E claro, pra acompanhar as porções, o bar também oferece um famoso Chopp. O que realmente ganha os turistas que visitam o local é a vista para o lago, com um ambiente calmo e aconchegante.


Será que é possível retomar suas viagens durante a pandemia? Confira as dicas aqui.


Dia 2


Fechar um passeio nas Estufas

Você não pode visitar Holambra e não conhecer os passeios nas estufas e campos de flores. Infelizmente, não tivemos tempo para realizar esse incrível tour e tirar fotos lindas. Porém, existem 5 agências de turismo na cidade que fecham esse tipo de passeio. Procure pelos Receptivos da cidade, como Holambrasil Turismo, Rafatour Turismo e Viagens e Real Receptivo de Holambra.


Boulevard Holandês:

Encontre diversas lojinhas com artesanato e presentes típicos. Além de diversos restaurantes deliciosos que ficam na mesma rua. Como o famoso restaurante Martin Holandesa.



Almoçar no Martin Holandesa

Nunca tendo visitado a Holanda, decidimos visitar os mais famosos restaurantes da pequena e aconchegante cidade.


Recomendamos o Martin Holandesa, um restaurante que está a 65 anos presente fazendo história. Tudo começou em 1955 como uma confeitaria e padaria criada pelo imigrante holandês Martin H. R. Gerritsen e sua esposa, Diny H. Gerritsen, com a ideia de atender a comunidade que se formava em Holambra, atendendo os moradores com sua charrete e também alguns raros turistas que apareciam por lá.


Em 1988 o filho mais velho, Frank Martin Gerritsen, assumiu o comando do negócio e até hoje está mantendo o nome criado pelo pai. Vamos falar um pouco sobre comida? O local oferece um cardápio bem amplo, tendo desde comidas tradicionais, como “A Batata no Cone”, “Pannekoek”, uma espécie de panqueca aberta com queijo e doces, mas também oferece pratos não típicos, como macarrão, costela entre outros.


Visitamos o Martin durante a semana e eles também oferecem pratos executivos que pesam menos no bolso, porém dentre os pratos do cardápio executivo, apenas um deles era um prato típico, que continha repolhos, purê de batata clássico holandês, arroz e carne (super bem temperados) e ficava por um valor de aproximadamente R$ 42,00 reais.


Aproveite para experimentar também uma receita de tortas típicas do Sul da Holanda, chamadas de: Vlaai Amora (massa de fermentação biológica, creme de baunilha e geleia de framboesa) e Vlaai Maça (massa de fermentação biológica, creme de baunilha, maças, uva passas e canela).


Nossa impressão do Martin Holandesa foi boa, apesar de não ser um lugar “barato” para comer frequentemente, porém quando você visita um lugar com comidas típicas e tem a oportunidade de come-las, sem dúvida vale a pena!


Endereço: Rua Doria Vasconcelos, Holambra, Estado de São Paulo

Telefone: 551938021295

Valor médio gasto por nós: R$ 70,00 (Suco de limão, prato típico executivo e torta típica + 10%)



Por do sol no Parque Van Gogh

Sem dúvidas uma das melhores formas de acabar seu dia em Holambra é visitando o Parque Van Gogh. É um espaço para estar em contato com a natureza da cidade, com árvores e um lago central, onde você pode aproveitar um por do sol no fim da tarde e dar uma volta de pedalinho. Além disso, dentro do Parque você encontra algumas réplicas das artes produzidas pelo pintor holandês e sem dúvida é a forma mais barata de vê-las, pois a entrada é gratuita.


Barra do Una, São Sebastião - São Paulo: O que fazer em um fim de semana nesse paraíso?


Onde se hospedar?

Nossa estadia não poderia ter sido melhor, super indicamos o moderno e lindo Hotel 1948. O quarto conta cozinha e escritório, na TV tem Netflix e possuem um espaço para o café da manhã lindo. O café está incluso para hóspedes, mas qualquer cliente para usufruir desse espaço.


A localização é boa, perto de tudo (apesar de tudo ser pertinho rs). Cheio de flores na entrada, com toda certeza conquistou a gente. Além de tudo você pode pedir um delicioso Delivery de uma Pizzaria que fica praticamente na mesma rua, aproveite!




Já se animou para conhecer Holambra? Conta para a gente lá no Instagram @largadosnomundao!

  • White Facebook Icon
  • Branca ícone do YouTube
  • White Instagram Icon
  • Playlist Largados
LargadosNoMundao_logo_RGB_azul.png