O que saber antes de ir para Veneza, Itália? Descubra aqui quando ir, onde ir e muito mais!

Atualizado: Abr 23

Se você for para Itália, deve visitar essa cidade, pelo simples motivo de não existir nenhuma igual no mundo, Veneza é Veneza! Tendo isso dito, vamos analisar os pontos positivos e negativos dessa cidade tão famosa. Veja aqui sobre passeios, quando ir, alimentação, compras e muito mais.

Canal principal de Veneza

Saindo de Pisa demoramos 3h30min de carro. Ao chegarmos estacionamos o carro em um estacionamento gigante, com 8 andares, o carro ficou lá os 3 dias que permanecemos na cidade, já que não é permitido nenhum veiculo motorizado dentro da cidade. Achamos que 3 dias foi muito tempo aconselhamos chegar cedo na cidade, dormir, conhecer mais um pouco no outro dia e ir embora pela noite. 2 dias são mais que suficientes.


Viagem Surpresa para Ilha Grande, você teria coragem?


Pergunte!

Pergunte tudo, primeiramente aos donos da acomodação que se hospedará, pergunte detalhes e peça fotos, as ruas são muitas, todas minúsculas, algumas nem percebemos que fossem ruas. O metro é um pouco confuso de primeira, claro ele é um barco, então saiba direitinho onde descer e pra qual lado pegar. Em nossa opinião é só necessário usar o metro na chegada e na saída da cidade, quando estiverem com malas, se não, andando tudo se resolve, como em todo lugar na Itália!


Nossa primeira experiência foi bem chata, não entendemos bem onde pegar o metro então subimos uma escada gigante com malas, e afinal não havia necessidade. Depois descobrimos que o check in de nosso hotel era feito perto do estacionamento e não onde ficavam os quatros (dentro da cidade), tivemos que voltar tudo de novo - não fomos informados disso, o que é complicado, porque se você não faz as perguntas certas os italianos acham automaticamente que você já sabe - seguindo tinham muitas até nosso quarto, sem elevadores, foi bem difícil com as malas, atente-se a isso, principalmente quando viajar com pessoas mais velhas!


O que fazer?


Primeiramente e obviamente: seja clichê! Ande sim de gôndola! Achamos o preço meio alto, pagamos 35 euros por pessoa, nos falaram que o passeio teria 30 min e durou 15 min, o que não importou muito pois o passeio não tem muita coisa de especial, e sem dizer que os "pilotos" são os famosos malandros das ruas, se você reclama eles desaprendem a falar inglês ou se fingem de tontos.


Mas de qualquer forma, é um experiência diferente e que com todas certeza preenche um check na vida de todos os viajantes.


Lembre-se que durante o inverno, com menos turistas, é melhor para navegar com as gôndolas, no verão existe congestionamento!


Prigioni Nove

O primeiro edifício construido para ser prisão no mundo! Consegue-se chegar a pé ou ver pelos passeios de gôndolas. É tão bonito que não da pra imaginar o que acontecia lá dentro. Existe uma ponte muito famosa chamada Ponte dos Suspiros, que ligava o Castelo a Prisão e era a última vez em que os prisioneiros viam a luz do dia.

Basílica de São Marco

Situada na famosa Piazza de San Marco, uma das praças mais famosas da cidade, onde existe muitos restaurantes, cafés, construções históricas, etc. Visite também a Torre do Relógio, que é um belo prédio do século XV que abriga um dos maiores relógios astronômicos do mundo.

Basílica de San Marco

Feiras/Mercadinhos

Existem muitas feiras na cidade, com frutas deliciosas, temperos e até macarrões. Listamos aqui algumas: Mercato Biologico Solidale Aeres, Mercado de Rialto e Mercado de Mestre. Mas é só ir andando que encontram vários facilmente.


Alimentação

Como todos os lugares que visitamos, literalmente a cada esquina é um restaurante que da água na boca! Os preços variam, tem coisa muito boa e barata e coisas medianas caras. Existem cardápios fora de todos os restaurantes, sempre bom ler antes de entrar ou de pedir o lanchinho! Comemos muito bem e bebemos vinhos excelentes e baratos todas as noites.


Muitas vezes é servido: entrada, primeiro prato e segundo prato. Dessa forma as comidas veem em pequenas quantidades. Aconselhamos ir direto nos pratos chamados "segundo prato" vem mais comida, são os pratos principais, e salvam dinheiro, tudo junto sai bem mais caro por pouca comida.


Compras

As lojas de luxo são a grande maioria, e muitas lojas são "estilo europeu", sendo sinceros, nada do nosso gosto. Mas existem muitas lojinhas artesanais, muito legais, mas muitas vezes, também mais caras. Também na cidade existem muitas lojas que vendem as famosas máscaras de carnaval, algumas lindas e algumas assustadoras, qual você escolheria?


Conheça a cidade medieval Lucca e descubra tudo sobre a Torre de Pisa - Dicas da Itália!


Metrô

Na verdade, são balsas, mas servem como transporte assim como ônibus que metrôs aqui em São Paulo. Achamos o preço bem alto, cada passe 7 euros.


Existe um dispositivo pra validar o bilhete, mas nenhuma catraca ou vigia! Vimos algumas pessoas passando direto e algumas não, não entendemos direito, era muito simples não pagar e entrar. Mas pagamos e validamos do mesmo jeito, com medo de dar algo errado. No último dia vimos uma moça com uma máquininha, conferindo o bilhete de todos, os que não haviam validado pagaram uma multa, não sabemos de qual valor.


Dica: Use o "metrô" apenas na chegada e partida, nos dias lá vale a pena andar e conhecer tudo, existem pontes ligando tudo.



Vida noturna

Como bons cervejeiros que somos, fomos atrás da vida noturna, e pareceu que tudo fecha muito cedo, as 22:00 horas fomos procurar bares com jovens, encontramos apenas onde de manhã ficava o mercado de peixe! Existiam bares mais bacanas e em volta umas barracas com bebidas mais "podres". Logo fomos nas mais podres e surpresa: tinha caipirinha! Brasileiros orgulhosos, pedimos para criticar. E BUM, que horror, era muito ruim, parecia produto de limpeza. Nota zero pra esse role de Veneza.


O que fazer, onde comer e como se locomover em Florença - Itália? Confira aqui!


Quando Ir

IMPORTANTE!

Não vá nas épocas de chuvas, a cidade fica completamente alagada. Sabiam que os primeiros andares de todos os edifícios não possuem nada? Pois na época de chuvas a água sobe e ocupa completamente. Já vimos vídeos de plataformas que são colocadas nas praças para as pessoas andarem, mas muito chato isso, escolha bem o período.


Fomos no inverno e só pegamos dias maravilhosos. Já lemos também que durante o verão a cidade fica extremamente cheia, e pensando no tamanho das ruas, pode não ser a melhor experiência.


Quanto ao cheiro, sentimos poucas vezes o cheiro forte de esgoto, porém dizem que durante o verão é bem presente e incomoda em todas as ruas.


Confira mais roteiros sobre a Itália e muito mais aqui!

105 visualizações
  • White Facebook Icon
  • Branca ícone do YouTube
  • White Instagram Icon
  • Playlist Largados
LargadosNoMundao_logo_RGB_branco.png